Agentes de Endemias fazem trabalho de pulverização contra o mosquito aedes aegypti

capaok

A Secretaria Municipal de Saúde de Forquilha, começou o trabalho de pulverização para combater o foco do mosquito Aedes, aegypti. Segundo a Secretária Municipal de Saúde, Guida Prado, está sendo pulverizado os bairros onde existe um maior número de foco do mosquito transmissor da chikungunya, vírus, zika a entre elas está a Rua São Francisco. Para combater o foco, os agentes de endemias estão adentrando nos imoveis, para realizar bloqueios (pulverização em um raio de 100 metros do local do foco. Para que o número de casos não aumente ainda mais, a Secretária Municipal de Saúde, explicou as medidas realizadas pela a Secretaria. “um número limitado de Agentes de Endemias para realizar as visitas domiciliares e o bloqueio, com a borrifação do veneno nas casas das pessoas, estamos fazendo o possível para não deixar que esta quantidade de casos já notificados, aumente ainda mais no município, mas precisamos a colaboração de todos.” O Prefeito Gerlásio Loiola também reforçou o pedido para que a população continue com o cuidado redobrado principalmente nesta época que é propícia a manifestação do mosquito.

O Poder Público, está fazendo a sua parte mas para que isso tenha efeito é importante que a população colabore.
CUIDADOS: Para que a sua casa esteja livre da presença da larva do mosquito Aedes aegypti é necessário redobrar alguns cuidados: manter o lixo fechado, as garrafas vazias e com o gargalo para baixo, as calhas devem ser mantidas limpas e desobstruídas, proteger os ralos com tela milimétrica, os vasos devem ser preenchidos com areia, no caso das piscinas manter a água tratada e a caixa d’água bem fechada.

SINTOMAS DA DOENÇA: A doença que é transmitida pelo mosquito menor que um pernilongo comum, de cor preta e com pequenas manchas brancas no corpo e nas patas. O inseto costuma picar no início da manhã e no final da tarde. Alguns sintomas característicos da doença são: febre alta, dor de cabeça, falta de apetite, dores musculares, fraqueza, e manchas vermelhas na pele. Em caso de suspeita da doença a orientação é procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua casa e consultar-se com um médico e evitar tomar remédios por conta própria.

Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *