Secretária do Desenvolvimento Rural realiza reunião sobre Programa de Aquisição de Alimentos

_DSC0161Na manhã desta quinta-feira (02), os pequenos produtores rurais de Forquilha participaram de uma reunião no Sindicato dos Trabalhadores Rurais, para receber orientações sobre o PAA (Programa de Aquisição de Alimentos). O objetivo é fortalecer a agricultura familiar no município, utilizando mecanismos de comercialização que favoreçam a aquisição direta de produtos, agregando valor.

Segundo a secretária do Desenvolvimento Rural, Meio Ambiente e Pesca, Helenira Pinheiro, vai comprar parte da produção dos agricultores familiares e destinar a entidades. “Os produtores São beneficiados com o programa, e também algumas entidades do nosso município, porque elas também recebem doação dos produtos diretamente da agricultura família, As entidades como APAE,Escolas,CRAS vão receber alimentos frescos, toda a semana”, explica.Ao todo mais de 20 famílias de pequenos produtores foram cadastradas.

SAIBA MAIS SOBRE O PAA

Criado em 2003, o PAA é uma ação que visa colaborar com o enfrentamento da fome e da pobreza no Brasil. O Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar (PAA), também conhecido como Compra Direta, prevê a compra de alimentos da agricultura familiar e a sua doação as entidades socioassistencias que atendam pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional. O PAA é implantado por meio de convênio formalizado entre o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e o Estado/Município. Cabe ressaltar que o PAA permite a compra, com dispensa de licitação, de alimentos de agricultores familiares, no limite de até R$ 3,5 mil por família a cada ano.

Usuário

Beneficiários Consumidores: Pessoas em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar e nutricional, atendidas, por programas e entidades sociais da rede de proteção e promoção social.

Beneficiários Produtores: agricultores familiares, beneficiados pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF), bem como agricultores, pescadores artesanais, silvicultores, extrativistas, indígenas, membros de comunidades remanescentes de quilombos e agricultores assentados e acampados.
Ações do documento

Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *